O de apoio prestado pelo Telefone da Amizade inspira-se no modelo dos Samaritans, uma associação fundada em 1953 no Reino Unido por Chad Varah [em inglês], com quem partilhamos os objectivos de apoio em situação de suicídio ou crise pessoal.

A nossa forma de apoio encontra-se hoje difundido por todo o mundo. As associações congéneres reunem-se numa associação internacional - o Befrienders International - na qual o Telefone da Amizade se encontra filiado.